O que considerar na escolha da sua agência de Trade Marketing?

O que considerar na escolha da sua agência de Trade Marketing?

Ter uma equipe de Trade Marketing bem estruturada pode garantir o sucesso das ações e estratégias do seu negócio. E com o aumento da competitividade, principalmente na busca pela atenção do consumidor, as empresas têm procurado equipes de trade cada vez mais eficientes.

Porém, por melhor que o time de trade de uma empresa seja, cuidar de todo o processo demanda muito tempo e acaba impactando nas demais atividades do dia a dia.

E de quais processos estamos falando? Nunca é demais definirmos o conceito de Trade Marketing.

Trade Marketing é o conjunto de ações focadas no contato entre os consumidores e a sua marca, por meio dos canais de distribuição. Ele representa os esforços feitos para impulsionar as demandas de vendas para o consumidor final com uma estratégia B2B (business to business) de empresa para empresa.

E essa estratégia nada mais é do que incentivar a compra de um produto por parceiros da cadeia de distribuição e gerar demanda e oferta constantes para os consumidores.

Em um mercado cada vez mais saturado, uma boa estratégia de Trade Marketing pode ser a diferença entre o sucesso de um produto ou não.

Para resolver este problema, a contratação dos serviços de agências especializadas surge como uma das principais soluções.

E, como vimos no post anterior, contratar uma agência especializada na área traz muitos benefícios para sua empresa.

Vamos lembrar quais são eles?

Ter uma equipe de Trade Marketing bem estruturada pode garantir o sucesso das ações e estratégias do seu negócio. E com o aumento da competitividade, principalmente na busca pela atenção do consumidor, as empresas têm procurado equipes de trade cada vez mais eficientes.

Os benefícios da terceirização foram comprovados na pesquisa “O que as agências, a indústria e o varejo pensam sobre o Trade Marketing?”, feita pela AMPRO – Associação de Marketing Promocional em parceria com a Omelete Consultoria. O levantamento, de valor qualitativo, envolveu 54 respondentes, divididos pelos seguintes setores: 27 indústrias, 20 agências e 7 varejo.

O grau de satisfação com as agências contratadas é alto, de acordo com 66% dos entrevistados do ramo industrial. A maioria dos entrevistados deste setor – 82% – afirma ter um alto grau de confiança nas mesmas e 71% têm equipes próprias dedicadas ao Trade Marketing.

Já no varejo, cerca de 83% dos entrevistados consideram significativo o trabalho dos promotores para oferecer uma experiência de qualidade para o consumidor. Nesse sentido, como escolher a melhor opção de agência de Trade Marketing entre as diversas disponíveis?

Quando falamos de uma boa agência, ela precisa trabalhar com:

Foco na experiência do usuário

Antes de tudo, precisamos entender que o preço não deve ser o aspecto mais importante da negociação.

O foco de qualquer ação de trade deve estar na experiência do usuário, no relacionamento conquistado antes, durante e depois da entrega do produto e/ou serviço.

É imprescindível que a agência pense sempre no melhor atendimento ao cliente.

Deve fazer parte da sua cultura a preocupação em promover experiências únicas e surpreendentes.

Canal de comunicação aberto com o cliente

Uma agência deve ser capaz de produzir campanhas eficazes de comunicação, junto a força de vendas. Aquelas que não mantêm um canal de comunicação aberto e de mão dupla com o cliente, dificilmente conseguem fortalecer parcerias e trabalhar na base da confiança e transparência.

Falhas de comunicação podem prejudicar o relacionamento entre parceiros. Por isso, é preciso que a agência tenha bem definido os processos de trabalho, evitando que algo se perca na comunicação entre as partes.

Diferenciação dos serviços

Para conseguir essa excelência na relação entre empresa e cliente, as agências devem buscar um diferencial. Assim como cada empresa é única e tem suas peculiaridades, fica difícil imaginar um atendimento padrão para todas elas.

Enquanto grande parte das agências acaba oferecendo os mesmos tipo de serviços, é preciso fazer diferente e se destacar com soluções inovadoras e personalizadas.

Ter uma equipe de Trade Marketing bem estruturada pode garantir o sucesso das ações e estratégias do seu negócio. E com o aumento da competitividade, principalmente na busca pela atenção do consumidor, as empresas têm procurado equipes de trade cada vez mais eficientes.

Acompanhamento dos resultados

De nada adianta uma agência que cumpra todos os requisitos acima, mas que não faça um bom acompanhamento do resultado de suas ações. Ela precisa, não só cumprir as metas estabelecidas com o cliente, mas também usar a tecnologia na hora de medir seu ROI (Return on Investment).

Existem alguns tipos de cálculo do ROI, e cabe ao gestor e aos promotores de venda determinarem os KPIs (Key Performance Indicators), de acordo com a necessidade da empresa.  

Utilizar esses critérios pode auxiliar na seleção da melhor empresa de Trade Marketing para atuar no ponto de venda, de maneira otimizada e precisa.

Notas finais

Como falamos no começo do post, uma equipe de Trade Marketing bem estruturada pode garantir o sucesso das ações e estratégias do seu negócio.

Com o mercado cada vez mais competitivo e necessitando de profissionais especializados, empresas estão terceirizando as atividades de trade.

Sendo assim, as agências de Trade Marketing precisam se destacar. Precisam, acima de tudo, focar na experiência do usuário; manter um canal de comunicação aberto com o cliente, firmando parcerias duradouras; prover serviços diferenciados; e acompanhar os resultados de suas ações.

Uma agência confiável e experiente é capaz de proporcionar à empresa ações e campanhas mais eficientes e com menos riscos, gerando menos custos e maiores chances de acertos.

Autor: rafaello
Publicado há 3 anos

mail_outline
Assine a Newsletter e receba conteúdos exclusivos por e-mail

As pessoas também estão lendo...